Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Olimpíadas / QUE HISTÓRIA!

Atleta de 58 anos irá disputar sua primeira Olimpíada em Paris

Conheça a história de Zhiying Zeng, conhecida como “Tia Tânia”, a atleta de tênis de mesa que irá para sua primeira Olimpíada aos 58 anos

Redação Publicado em 10/07/2024, às 15h39

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Atleta de 58 anos irá disputar sua primeira Olimpíada em Paris - Getty Images
Atleta de 58 anos irá disputar sua primeira Olimpíada em Paris - Getty Images

Aquele velho discurso que nunca é tarde demais para realizar seus sonhos foi algo que permeou a vida de Zhiying Zeng, que está prestes a realizar uma meta antiga, aos 58 anos. Pela primeira vez na vida, a atleta irá disputar uma Olimpíada, em Paris, representando o Chile no tênis de mesa.

Nascida na China, mas naturalizada chilena, Zeng é conhecida popularmente como “Tia Tânia”, em alusão ao nome que adotou ao chegar no país sul-americano. A veterana disputou os Jogos Pan-Americanos de 2023, no qual ela participou da competição em equipes, em que os chilenos atingiram às semifinais.

Zeng é filha de uma treinadora de tênis de mesa, que introduziu o esporte em sua vida muito cedo. Dessa forma, antes mesmo da maioridade, a atleta era convocada para a seleção chinesa da modalidade. No entanto, o sonho de ir aos Jogos Olímpicos foi deixado de lado cedo, aos 20 anos, quando ela se afastou da carreira profissional como mesa-tenista.

Porém, o esporte permaneceu na sua vida e, apenas se mudou para o Chile por causa dele. Contratada para ser treinadora de tênis de mesa no país sul-americano, Zeng se transformou na Tânia, já que os chilenos tinham muita dificuldade na pronúncia. No entanto, o período como técnica durou pouco, ela resolveu se formar em solo chileno, abriu seu próprio negócio e construiu seu próprio negócio longe da China.

"Tia Tânia" em ação nos Jogos Pan-Americanos de Santiago, em 2023 (Crédito: Getty Images)
"Tia Tânia" em ação nos Jogos Pan-Americanos de Santiago, em 2023 (Crédito: Getty Images)

Após mais de 20 anos afastada do esporte, Tânia resolveu voltar à modalidade durante a pandemia, quando começou a disputar alguns torneios locais. Sendo assim, a veterana venceu as disputas sul-americanas, ganhou uma vaga na seleção chilena e está prestes a ter sua primeira experiência olímpica, beirando os 60 anos.