Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / NOVO CLUBE!

Paulo Turra, ex-Athletico e Santos, acerta com time de Portugal

Técnico que recentemente comandou o Athletico Paranaense e o Santos fecha contrato de dois anos com clube da primeira divisão do Campeonato Português

Henrique Cesar Mello
por Henrique Cesar Mello

Publicado em 23/08/2023, às 17h33

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Técnico que recentemente comandou o Athletico Paranaense e o Santos fecha contrato de dois anos com clube da primeira divisão do Campeonato Português - GettyImages
Técnico que recentemente comandou o Athletico Paranaense e o Santos fecha contrato de dois anos com clube da primeira divisão do Campeonato Português - GettyImages

O técnico brasileiro Paulo Turra, que recentemente comandou times como Athletico Paranaense e Santos, acertou sua contratação para treinar o Vitória de Guimarães, clube da primeira divisão do Campeonato Português. O ex-jogador já passou pelo time de Portugal, quando ainda jogava, entre os anos de 2004 e 2005.

Paulo Turra assinou por dois anos com os Conquistadores, apelido do time do norte do país. O técnico foi apresentado nesta semana e já comandou seu primeiro treino com o elenco, que conta com alguns brasileiros, como Alisson Safira, André Silva, Charles e Matheus Índio.

O treinador de 49 anos de idade estreia contra o Vizela neste domingo, 27, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Português, no estádio D. Afonso Henriques. O Vitória de Guimarães contratou Turra para substituir Moreno, que se demitiu após a eliminação na Liga Conferência para NK Celje, da Eslovênia.

Paulo Turra teve uma passagem relâmpago pelo Santos, sendo demitido no dia 6 de agosto, pouco mais de um mês depois que chegou para substituir Odair Hellmann. O técnico deixou o clube após o empate com o Athletico em 1 a 1, pela 18ª rodada do Brasileirão. O time da Baixada Santista afirmou que a falta de evolução da equipe nos jogos e a ausência de resultados foram os principais motivos para a demissão.