Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / EXCLUSIVO!

João Doria abre o jogo sobre chance de ser presidente do Santos

Em entrevista exclusiva ao SportBuzz, João Doria comentou as recentes especulações e respondeu se vai ser candidato ou não

Guilherme Assumpção
por Guilherme Assumpção

Publicado em 11/10/2023, às 17h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
João Doria é um torcedor apaixonado pelo Santos - Thiago Duran / Divulgação / Santos FC
João Doria é um torcedor apaixonado pelo Santos - Thiago Duran / Divulgação / Santos FC

Com a proximidade da eleição presidencial no Santos, o político João Doria foi muito especulado como possível candidato ao cargo. Porém, ele fez questão de negar a possibilidade em entrevista exclusiva ao SportBuzz. Nesta quarta-feira, 11, o ex-governador de São Paulo visitou a redação da Perfil Brasil, abriu o coração sobre a carreira e comentou a relação que tem com o Peixe.

Questionado sobre a chance de se candidatar à presidência do clube da Vila ou de se envolver na eleição, João Doria negou veementemente. Ele confirmou que foi procurado para disputar o cargo por torcedores e empresários. Apesar da recusa ao convite, Doria se colocou à disposição para ajudar o Santos desde que exista uma gestão responsável e consciente.

Eu sou um torcedor do Santos Futebol Clube desde pequeno, desde os seis anos de idade. Tenho 65, portanto, um longo período torcendo pelo Peixe, apaixonado pelo Santos como continuo até hoje. Mas não tenho nenhuma intenção de disputar a presidência do Santos Futebol Clube", iniciou Doria.

"Fui procurado por torcedores, líderes de torcida, por empresários, pessoas amigas e também pessoas de Santos, que são entusiastas por viverem na cidade e por torcerem para o clube, para que eu pudesse disputar a presidência do Santos Futebol Clube agora no final de novembro, início de dezembro, quando acontecem as eleições (...)", seguiu o experiente político brasileiro.

"Eu agradeci, declinei, disse que continuo disponível para ajudar, cooperar, como fiz uma vez com o Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, o LAOR. Ajudei a construir uma gestão que ele conduziu brilhantemente até, infelizmente, a sua morte. Foi, talvez, a melhor e mais produtiva fase do Santos Futebol Clube. Foi campeão da Libertadores, campeão da Copa do Brasil, campeão paulista, revelou Neymar para o mundo, era um show de time...", elogiou João Doria.

"Eu torço pelo Santos, continuo desejando que possamos superar essa fase triste deste momento e que possa haver um candidato que tenha paixão pelo clube, mas tenha também razão e capacidade para fazer uma boa gestão. Se assim acontecer, ele contará comigo, vou ajudar. Tendo já feito esse trabalho num passado não muito remoto e, modéstia à parte, pelas gestões que fiz na Prefeitura de São Paulo, no Governo de SP e nas minhas empresas. Santos hoje! Santos sempre!".

João Doria
João Doria, de 65 anos, é torcedor declarado do Peixe (Crédito: Getty Images)

João Doria, de 65 anos, é torcedor declarado do Peixe e frequenta alguns jogos do time na Vila Belmiro. Em 2009, ele foi eleito conselheiro do clube alvinegro e conquistou a reeleição dois anos depois. A eleição do Santos será realizada no final deste ano. O atual mandatário é Andres Rueda, nome bastante criticado pela torcida.

O Santos é o 14º colocado do Campeonato Brasileiro, depois da chegada do técnico Marcelo Fernandes, que conquistou três vitórias seguidas. O clube paulista também lida com uma crise financeira e que complica os planos para a montagem de um time forte.